21/9/2019 09:17

Carille vive seu pior momento no comando alvinegro

Jogadores, dirigentes, conselheiros não aceitam o péssimo futebol, a derrota na semifinal da Sul-Americana. E o técnico culpar Pedrinho e Matheus Vital

(Foto:Agência Corinthians)

"É um grupo novo, tinha muitos meninos em campo. Era um jogo que só tinha 'nego' malandro, jogador vivido. Hoje esses jogadores precisam se acostumar com esse tipo de jogo."


No desespero por encontrar uma desculpa razoável pela vexatória derrota do Corinthians, na semifinal da Copa Sul-Americana, diante do Independiente del Valle, Fábio Carille, falou algo sem sentido.

O time que perdeu por 2 a 0 tinha média de idade de 28 anos.

Seis com mais de 30 anos. Cássio (32), Fagner (30), Gil (32), Danilo Avelar (30), Junior Urso (30) e Vagner Love (35).

O recado do técnico foi direto para Pedrinho e Matheus Vidal, ambos com 21 anos.

A declaração irritou jogadores e dirigentes, que viram a simples transferência de culpa.

"Pedrinho e Vital, eles não jogam sozinhos, tem os 11, os do banco, a cobrança é para todos. Todos nós fizemos um jogo ruim e por isso perdemos por 2 a 0 em casa. Culpado é todos, os mais novos, mais velhos, comissão técnica, por termos feito as escolhas erradas. Não vejo o porquê cobrar algum jogador."

As palavras duras foram de Vagner Love.

Não bastasse o péssimo ambiente que Carille criou para ele e os jogadores, houve ontem também o protesto das torcidas organizadas.

A faixa"Carille retranqueiro" foi colocada em frente ao CT Joaquim Grava onde a equipe treinava.

Ao lado, outra. "Ganham muito e jogam pouco", atacando os jogadores.

Andrés Sanchez já está vivendo dias de difícil convivência no Corinthians, pressão pelas dívidas acumuladas no clube por conta do Itaquerão.

Tudo o que ele não queria era uma crise envolvendo o time.

O relacionamento de Andrés e Carille é distante. O presidente o recontratou porque o técnico tinha o controle do grupo que fracassava desde que ele havia embarcado para a Arábia.

Dois fatores foram levados em conta no retorno de Carille. A certeza de que ele aceitaria um elenco limitado, já que ele sabia muito bem da crise financeira no Corinthians.

E porque Mano Menezes estava bem no Cruzeiro.

Andrés tem grande amizade com o técnico.

Por sorte de Carille, Mano outra vez está empregado.


E no rival Palmeiras.

Mesmo assim, a pressão por resultados é enorme.

Os próximos jogos serão decisivos, a começar por hoje, no Itaquerão, contra o Bahia. O time precisa se recuperar no Brasileiro. O time está a dez pontos do líder Flamengo.

Vem de empate diante do Ceará, em casa, e derrota para o Fluminense, em campo neutro, em Brasília.

Mas fundamental será contra o Independiente, no Equador, quarta-feira, quando o Corinthians terá de reverter a derrota por 2 a 0. Ou dar adeus à chance de disputar o título inédito.

Carille não esperava uma cobrança tão forte.

E generalizada.

Sua sequência no Corinthians está ameaçada.

A obrigação que tem é clara até o final do ano.

Andrés adoraria, mas não cobra títulos.

Exige o clube na Libertadores de 2020.

Se o presidente sentir o Corinthians pode ficar fora, ele não poupará Carille.

O técnico tem consciência da situação.

Para buscar melhorar o clima, Carille deverá tomar uma atitude pouco comum.

Vencendo ou perdendo para o Bahia.

Vai se desculpar, dizer que foi mal compreendido.

E que não colocou nos meninos, em Pedrinho e Matheus Vidal, a culpa na derrota para o Independiente del Valle.

Postura obrigatória.

Para tentar resgatar a união do time...



LEIA TAMBÉM:Marcelinho Carioca, Amaral e Vampeta reunidos em live beneficente, confira

LEIA TAMBÉM:Corinthians conquista seis títulos no Automobilismo Virtual

LEIA TAMBÉM: Novo manto aprovado? Torcedores se dividem nas redes sobre uniforme do Timão para a temporada


JÔ PODE VOLTAR FINAL DO ANO, DUÍLIO RESPONDE SOBRE ROGER GUEDES E KENO, BRIGA: JADSON X TIAGO NUNES

1545 visitas - Fonte: R7

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nelson Rodrigues     

Quando ganhar é rei se vai mal e burro,burro é quem pensa assim.

Nelson Rodrigues     

A solução é não demitir ninquem,não acho que estamos tão mal assim como dizem,isso e discurso de oposição,nao estamos jogando bem é verdade,mas deem uma olhada em quem esta atrás,é hora de apoiar o timão vai pra final da sulamericana aguardem eu acredito.

Covarde vc carile

Carile queimou vários jogadores agora ta pagando com a própria moeda pois é carile a vida da volta por cima é tipo roda gigante hoje cê tá em cima amanhã cê tá embaixo, seja humilde pk vc é um renumano a vida não é assim não si achando esquece de ser humano carne osso, seja humilde

Não coliquem palavras na bica do Carille tenho certeza que foi num momento impensado sei LÁ quem ninca falou algo, mas não era exatamente aquilo que queria falar?quem nunca errou ou deu um leve vacili que atire a primeira pedra VAI CORINTHIANS, vira a página e fim??????????????????????????????????

COMO É QUE É? POR SORTE DO CARILLE O MANO ESTÁ EMPREGADO? POR SORTE NOSSA ISSO SIM. BEM, EM SE TRATANDO DESSES DIRIGENTES ERA EM CAPAZ DE FAZEREM ESSA TROCA. AFF...

É o mínimo que ele deve ! Pois foi muito covarde quando disse aquelas palavras no final do jogo !

Queila Gomes     

Que joga só na Retranca agora é hora de mostra oque saber mas não tem futebol só desculpa

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Globo
Corinthians
Palmeiras

Último jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians
Corinthians
1 1
Ituano
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota