17/10/2020 07:36

Ex-sensação do Corinthians vê desemprego após 24 clubes e pede nova chance

Ex-atacante do Corinthians, Abuda era presença constante em convocações das seleções de base e fez relativo sucesso quando estreou pelo Alvinegro. Ao lado de Jô, formou dupla promissora nos primeiros jogos de ambos pelo clube. Hoje, porém, está desempregado. Aos 34 anos, vestiu a camisa de 24 times de seis países (Brasil, Alemanha, Bélgica, França, Emirados Árabes e Japão), mas não tem mais um lugar em uma equipe para chamar de seu.



Seu último time foi o Pinheiro, do Maranhão, sua terra natal. Jogou o Maranhense, mas quando o torneio acabou, ele também parou. Não por opção. "A gente ainda está em atividade", diz ele, que acha que pode jogar ainda no eixo Rio-São Paulo.

"As coisas ficam mais fáceis e aparecem porque você está em atividade e alguém te observa. Se você está em casa, fica meio difícil. Clubes e treinadores não querem jogador parado, a gente está procurando sempre estar em atividade para procurar coisas boas lá para frente", disse o atacante em entrevista ao UOL Esporte.

Abuda reclamou, também, da Wikipédia, o site enciclopédico de edição livre que é um dos mais acessados do mundo, e lamentou o fato de o grupo de investidores MSI ter passado pelo Corinthians justamente no período em que o jogador foi revelado pelo clube paulista. Segundo ele, por conta da contratação de Carlitos Tevez, Nilmar, Roger Flores, Carlos Aberto e outros, "subiu e desceu" de categoria no Timão e perdeu espaço. Aliás, um dos "rebaixamentos" foi ordenado justamente por Tite, o que rendeu a Abuda o título da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2004.

Confira a entrevista na íntegra:

UOL Esporte: A conquista da Copa São Paulo de 2004 é a grande referência sua no Corinthians?
Abuda: Foi uma das grandes porque não estava certo que eu ia jogar a Copa São Paulo. O Tite, que era o treinador na época, pediu pra descer Eu e mais uns quatro ou cinco jogadores desceram pra jogar o torneio. Foi um ano muito especial pra mim, até porque deu mais chance no profissional. A gente acabou sendo campeão em cima do São Paulo. Foi 2 a 0. Júlio Cesar goleiro, Bobô, Jô, Rosinei, Fininho, Rafael Fefo, Elton, Ronny, Nilton, eu... Teve uma galera boa campeã.

Como foi o contato com o Tite?
Pra mim, foi uma satisfação muito grande, até porque ele sempre me orientava. Aliás, não só eu mas todos os jogadores da base. Ele sempre conversava com a gente e hoje eu fico feliz por onde ele está. Eu posso dizer que tive a honra de ter sido jogador dele.

Por que você não conseguiu se firmar no Corinthians? O que aconteceu?
Na época, era a MSI. E muitos jogadores foram contratados. Medalhões. A gente acabou perdendo um pouco de espaço. Eu vinha da base e, na época, surgiu uma proposta pra jogar fora. Eu não pensei duas vezes: não estava sendo aproveitado, estava naquele bate e volta de profissional para juniores, juniores para o profissional. Mesmo fazendo alguns bons jogos no Brasileiro de 2005, não ficava. Joguei bem contra Flamengo, Vasco, Fortaleza... Mas aqueles jogadores acabaram sendo contratados e tinham que jogar, até pelos valores por que foram comprados. Preferi sair.

Hoje você se aposentou?
Rapaz, eu estava quase, mas me resgataram. Esse ano, depois da pandemia, surgiu o convite pra jogar o restante do Maranhense aqui pelo Pinheiro. O treinador Luiz Miguel me ligou e explicou que tinha pedido para me contratarem. Eu fui, joguei o restante do Maranhense e agora eu estou parado, esperando alguma coisa. Ainda não sou aposentado. Pretendo jogar por mais dois anos ainda.

Sonha ainda jogar em São Paulo ou Rio de Janeiro? Acredita ainda?
Acredito. A gente ainda está em atividade e as coisas ficam mais fáceis. As coisas aparecem porque você está em atividade e alguém está te observando. Se você está em casa, fica meio difícil. Os clubes e os treinadores não querem jogador parado. A gente está procurando sempre estar em atividade pra procurar coisas boas lá pra frente.

Você passou por mais de 24 clubes, rodou o Brasil, jogou em outros cinco países, é isso? T
em uns clubes aí que eu nunca pisei e os caras colocaram aí na Wikipédia. Por exemplo, o Blumenau. Eu nunca fui em Blumenau. Eu joguei em Santa Catarina no Avaí, mas eu nunca fui em Blumenau. Os clubes em que eu joguei são Corinthians, Náutico, Wolfsburg (Alemanha), Germinal Beerschot (Bélgica), Vasco da Gama, Avaí, Paraná Clube, Marília, Brasiliense, Tours (França), Dibba Al-Hisn (Emirados Árabes). No Sampaio Correa, eu só treinei, não joguei. Mas como eu sou conhecido nacionalmente como aquele jogador que jogou no Corinthians, e estava treinando lá o pessoal coloca que eu joguei. Mas eu não joguei. Nem no Moto Clube ou no União de Leiria, de Portugal. No Leiria, eu falei com o presidente, mandaram o contrato pra mim, mas eu nunca fui para Portugal, a não ser para fazer pré-temporada quando eu estava no Wolfsburg. No Oeste, joguei o Paulista de 2012. Ainda joguei no Gifu, do Japão. No Icasa joguei em 2012. No Roma de Apucarana eu joguei, no Operário-PR também. Joguei no Tokyo Verdy. Mas no Blumenau não joguei. No Fernandópolis, a mesma coisa: estava treinando, mas não joguei lá, não. Joguei no Guarani de Sobral, no Central, no Rio Negro, Comercial de Ribeirão Preto, no Itumbiara e, no ano passado, no Castanhal. Neste ano, joguei no Pinheiro, do Maranhão. Se você somar, dá 24 times e cinco países diferentes, Alemanha, Bélgica, França, Emirados e Japão, além do Brasil.

De todos esses clubes, qual é aquele em que você tem mais identificação?
O Corinthians, sem dúvida, desde a base, eu era corintiano desde garoto, eu realizei o meu sonho, só não realizei o sonho da minha família porque todos são flamenguistas, mas o meu sonho pessoal eu realizei. Eu queria realizar o sonho da minha mãe e jogar no Flamengo, mas, infelizmente, não deu. Joguei no Vasco da Gama, mas ela sempre torcia por mim.



Você acompanha os jogos do Corinthians?
Sempre, sempre, hoje em dia eu tenho contato com o Willian, que está no Arsenal, com o goleiro Júlio César (Red Bull Bragantino). Hoje em dia a gente conversa por telefone, pelo WhatsApp, e, graças a Deus, a amizade continua com eles aí.



LEIA TAMBÉM: “Se estiver atrapalhando, melhor procurar outro lugar”, diz Cássio

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Perto de ser anunciado, você apoia o retorno de Fábio Santos ao Corinthians?







1065 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Marcelo França     

Repentem mt as noticias

Marcos Silva     

Novamente isso !? Já foi postado ante ontem ??. Vamos de coisas novas.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Brasileiro

Qua - 21:30 - São Januário - Globo
Vasco
Corinthians

Último jogo - Brasileiro

Dom - 16:00 - Arena
Corinthians
1 5
Flamengo
Untitled Document
Classificação
1 Internacional
2 Flamengo
3 Atletico-MG
4 São Paulo
5 Santos
6 Fluminense
7 Fortaleza EC
8 Palmeiras
9 Atletico Goianiense
10 Grêmio
11 Sport Recife
12 Bahia
13 Ceará
14 Botafogo
15 Vasco DA Gama
16 Corinthians
17 Atletico Paranaense
18 Coritiba
19 Bragantino
20 Goiás
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
34 17 10 4 3 28 13 15 EVVVV
34 17 10 4 3 30 19 11 VVVEV
31 16 10 1 5 31 20 11 VDVED
27 15 7 6 2 20 13 7 EEVVE
27 17 7 6 4 23 19 4 VEVDV
26 17 7 5 5 25 20 5 EVVEE
24 16 6 6 4 16 11 5 EEVEV
22 16 5 7 4 19 20 -1 VDDDD
22 17 5 7 5 17 21 -4 EDVVE
21 16 4 9 3 17 15 2 EVDVE
20 17 6 2 9 18 26 -8 VDDDD
19 17 5 4 8 22 25 -3 DVDEV
19 16 5 4 7 19 23 -4 EDEVE
19 17 3 10 4 17 20 -3 EVVDE
18 15 5 3 7 18 22 -4 EDDDD
18 17 4 6 7 19 25 -6 EEDVD
16 16 4 4 8 12 17 -5 DEDDE
16 17 4 4 9 14 22 -8 EDEVD
16 17 3 7 7 19 24 -5 EDDEV
11 15 2 5 8 19 28 -9 DDDEE
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Bragantino
2 Corinthians
3 Guarani Campinas
4 Ferroviária
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
23 12 7 2 3 18 9 9 VVVVV
17 12 4 5 3 15 10 5 EEEVV
16 12 4 4 4 16 14 2 EVVDD
15 12 3 6 3 13 9 4 VEEEV
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS