10/6/2024 04:08

Por que multa de contrato de Carlos Miguel com Corinthians caiu R$ 265 milhões?

Por que multa de contrato de Carlos Miguel com Corinthians caiu R$ 265 milhões?

Carlos Miguel deve oficializar a saída do Corinthians nos próximos dias. O goleiro já comunicou o clube que aceitou a proposta do Nottingham Forest , que pagará a multa rescisória do contrato para contar com o jogador a partir de julho, data da abertura da janela de transferências. O valor dessa multa é um dos pontos determinantes para a iminente saída do goleiro do Corinthians . Com contrato válido até o fim de 2025, o goleiro de 25 anos vinha sendo observado no mercado europeu, principalmente por clubes emergentes da Inglaterra, como o Nottingham Forest. Equipes da Itália e Espanha também estudaram a possibilidade de investir no camisa 22 do Timão. Até 31 de dezembro de 2023, o clube do exterior interessado em contratar Carlos Miguel teria de desembolsar 50 milhões de euros (cerca de R$ 288 milhões), valor estipulado para o rompimento do contrato. Desde o primeiro dia de 2024, a multa caiu para 4 milhões da mesma moeda (cerca de R$ 23 milhões).

Carlos Miguel em treino do Corinthians — Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Rodrigo Coca/Agência Corinthians

O ge ouviu diversas pessoas do Corinthians e que trabalham com o goleiro para entender a queda brusca no valor da multa de um ano para o outro. Carlos Miguel chegou ao Corinthians em 2021 sem custos, por intermédio de Gilmar Veloz, agente de Tite e com bom trânsito no clube. Após passagem pelo Boa Esporte, o goleiro assinou contrato válido por pouco mais de duas temporadas. O baixo custo e a aposta em um jogador jovem pesaram para que o Corinthians topasse o negócio naquele momento. Carlos Miguel não entrou em campo nos meses em que esteve no clube em 2021, fazendo apenas 11 jogos pelo Corinthians nos dois anos seguintes. Foram dois em 2022 e mais nove no ano passado. Na renovação contratual, feita em janeiro de 2023, o Corinthians ampliou o vínculo do jogador até 31 de dezembro de 2025.

Com saída de Cássio e com Carlos Miguel perto de deixar o clube, Matheus Donelli surge como candidato a titular  — Foto: Rodrigo Coca / Ag.Corinthians
Rodrigo Coca / Ag.Corinthians

A valorização salarial aumentou a multa do jogador, mas a incerteza sobre as chances de poder atuar fez com que Gilmar Veloz impusesse uma condição para renovar o contrato: a diminuição da multa contratual nos últimos dois anos de vínculo. A ideia era se respaldar em caso de inatividade do goleiro, tendo uma brecha para colocá-lo em outro clube. No entendimento do Corinthians , naquele momento, com Cássio titular e sem qualquer perspectiva de saída, ser contrário a essa exigência não fazia sentido. Nesse período, Carlos Miguel trocou de empresário e passou a investir no desejo de atuar no futebol europeu, o que deve acontecer em breve. Atualmente, além de Carlos Miguel, o Corinthians tem Matheus Donelli, Felipe Longo e outros jogadores que compõem as categorias de base do clube e alternam entre treinos no profissional como opções para o técnico António Oliveira.



VEJA TAMBÉM
- Provável escalação do Corinthians para clássico contra o São Paulo no Brasileirão
- Antônio Oliveira perde apoio no Corinthians e Carille ganha espaço na equipe.
- Corinthinas tem interesse em jogador da Udinese









1227 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

publicidade

Brasileiro

Dom - 16:00 - Neo Química Arena -
X
Corinthians
Sao Paulo

Brasileiro

Ter - 19:00 - Antônio Accioly
2 X 2
Atletico Goianiense
Corinthians
publicidade
publicidade
publicidade