31/5/2020 19:54

Seguindo o exemplo do avô, tatuador doa "dízimo" para o Corinthians

O amor pelo Timão e o desejo de ajudar o Clube estão presentes na família de descendência espanhola que em 1928 recebeu seu vizinho mais ilustre: o Parque São Jorge

Desenhar é paixão antiga para Alexandre Helios Barrios Mota, o Helinho, tatuador, 41 anos. Não mais antiga que o amor pelo Corinthians, que data de 1912 quando seu bisavô Antonio Barrios Ramirez chegou a São Paulo, vindo da Espanha.



LEIA TAMBÉM: Protesto de torcedores dos quatro grandes de SP contra Bolsonaro na Av. Paulista termina em confronto com PM; confira


O Corinthians ainda estava no Bom Retiro e já arrastava grandes públicos para seus jogos, se firmando como a maior força do cenário da várzea paulistana. Tanto, que aquela torcida imensa chamou atenção da Liga Paulista de Foot-Ball, financiada pela cobrança de ingressos para as partidas de seu torneio.

Anos depois, o Corinthians se mudou para o Parque São Jorge, e se tornou próximo da família, que já morava na Rua Arnaldo Cintra – e ainda mora -. A chegada do vizinho ilustre movimentou a região e aumentou o carinho com o time de coração. O avô de Helinho, Hélios Barrios, era feirante e com seu caminhãozinho ajudava fazendo carretos gratuitos para o Clube que surgia no bairro.

A minha família é mais antiga aqui onde moro, que o Corinthians. O meu avô viu o Corinthians crescer aqui no Parque São Jorge. Meu avô contava que levou o telhado da bocha e da peteca no caminhãozinho dele de feira quando estavam construindo o Clube. Ele não cobrava nada, fazia pra ajudar na construção do clube. Ele me contava as histórias de ajudar o Clube, então eu carrego isso comigo, de ajudar o Corinthians“, conta o torcedor.

Orgulhoso de suas raízes, Helinho mostra fotos das carteirinhas de sócios remidos do Clube assinadas pelos presidentes Alfredo Ignácio Trindade e Vicente Matheus e comprovantes de quitação de anuidades. “A família sempre ajudou o Corinthians”, afirma.

Meu avô se chamava Hélios Barrios, minha tia era Esmeralda Barrios, eles eram todos sócios do Corinthians. Naquela época existia um plano que a pessoa pagava por uns 30 anos (acho) de contribuição e ganhava do clube o título de sócio remido, então eles ganharam assim, contribuindo com o Clube”, explica.

Fora o Corinthians, é a tatuagem a outra grande paixão de Helinho. E ele revela em seu corpo esses dois grandes amores. Em seu estúdio montado na capital paulista, Helinho faz todos os tipos de desenhos, pinta quadros e faz grafites, porém tem orgulho em dizer que é especializado em trabalhos que representem o Corinthians.

“Dízimo”

Além do capricho do trabalho, outro detalhe chama atenção nesse torcedor. Ele dá uma espécie de “dízimo” ao Clube. De cada tatuagem feita com o tema Corinthians, ele separa 10% do valor para ajudar o Timão.

No momento, está fazendo as doações ao #ResenhaAlvinegra, programa transmitido pela Corinthians TV e que distribui cestas básicas para comunidades impactadas pela pandemia do coronavírus. O projeto conta com o apoio do Banco BMG, patrocinador master do clube.



Se hoje o Corinthians me proporciona ganhar minha vida através da minha arte usando o símbolo dele, nada mais justo que eu devolva uma parte a ele. É uma forma de eu ajudar o meu clube do coração, como ele me ajuda”, explica Helinho.


Corinthians, Tatuador, Amor, Dízimo, Helinho, Família, Timão, Tradição



LEIA TAMBÉM: Corinthians teve as contas bloqueadas em de R$ 500 mil em ação de Marcelo Mattos

LEIA TAMBÉM: Cúpula do conselho corintiano vê desrespeito ao órgão em ação contra Andrés

LEIA TAMBÉM: Discussão no telefone, briga aberta e até o Corinthians: como futuro de Tévez virou novela


1047 visitas - Fonte: Central do Timão

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Globo
Corinthians
Palmeiras

Último jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians
Corinthians
1 1
Ituano
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota