14/4/2024 21:59

Árbitro registra ofensa de diretor e reclamação agressiva durante partida do Corinthians

insatisfação das equipes e torcida com a arbitragem durante partida entre Corinthians e Atlético-MG

Árbitro registra ofensa de diretor e reclamação agressiva durante partida do Corinthians

O árbitro Yuri Elino Ferreira da Cruz relatou em súmula que foi chamado de "horroroso" por Rubens Gomes, mais conhecido como Rubão, após o empate entre Corinthians e Atlético-MG, neste domingo. A reclamação do técnico António Oliveira depois do apito final, que gerou sua expulsão, também foi detalhada pelo mediador. A atuação do juiz em Itaquera revoltou ambas as equipes, que demonstraram sua insatisfação diretamente a ele. Além do diretor de futebol Rubão, o presidente Augusto Melo também questionou a arbitragem de Yuri após a partida. Segundo o juiz, o mandatário teria dito: "Você não deveria mais apitar aqui". O ex-goleiro Victor, dirigente do Atlético-MG, teria mostrado sua insatisfação no intervalo: "Você conseguiu o que queria, estragou o jogo!". O desempenho da arbitragem não desagradou apenas as diretorias, como a torcida do Corinthians.

Yuri relatou que, quando se dirigia ao vestiário da arbitragem, ao final da partida, foram arremessados das arquibancadas um copo descartável e um saco de pipoca. Nenhuma pessoa foi acertada. O empate por 0 a 0 entre Corinthians e Atlético-MG foi marcado por algumas polêmicas. Os atleticanos entendem que Fagner deveria ter sido expulso após entrada dura em Zaracho, aos 31 minutos de jogo. O camisa 23 recebeu cartão amarelo. Posteriormente, o volante Rodrigo Battaglia recebeu dois amarelos e foi mandado mais cedo para o vestiário, o que também incomodou os visitantes. Já o time local reclama da falta de critério do árbitro em algumas jogadas e do excesso de paralisações.

Ao todo, somando jogadores e comissões técnicas, foram distribuídos 15 cartões amarelos. O técnico António Oliveira se dirigiu ao árbitro após o apito final, ainda no gramado, e foi expulso. Segundo relato de Yuri, o treinador português proferiu as seguintes palavras: "Você errou! Quis compensar! Você está de sacanagem, tem que me respeitar, m****!". António teve que ser contido por seus atletas até o vestiário. Veja a súmula completa da partida: Informo que, ao final da partida, houve uma invasão de campo no setor sul, de um torcedor da equipe mandante, onde foi contido pelo policiamento e retirado de campo.

Informo ainda que, quando me dirigia ao vestiário de arbitragem ao término da partida, no acesso ao túnel, foram arremessados em direção da equipe de arbitragem, do setor inferior oeste, um copo descartável e um saco de pipoca. Porém, não atingiram nenhuma pessoa. Informo que no intervalo da partida, no acesso ao vestiário da arbitragem, o Sr. Victor Bagy, diretor da equipe visitante, veio em minha direção e proferiu as seguintes palavras de forma agressiva: "Você conseguiu o que queria, estragou o jogo!". Informo que ao final da partida, quando me dirigia ao vestiário da arbitragem, na porta de acesso ao mesmo, o Sr. Augusto Melo, presidente da equipe mandante, proferiu as seguintes palavras: "Você não deveria mais apitar aqui". Já o Sr. Rubens Gomes, diretor da equipe mandante, proferiu de forma agressiva as seguintes palavras "Você é horroroso!".



VEJA TAMBÉM
- MULTA MILIONÁRIA! Corinthians é condenado a pagar multa a ex-atleta da equipe
- RETORNOS! Corinthians recebe reforços e divulga provável escalação para enfrentar o América-RN
- Investigação policial sobre aparelhos encontrados no Corinthians continua









3849 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

publicidade

Brasileiro

Dom - 16:00 - Neo Química Arena -
X
Corinthians
Botafogo

Sudamericana

Ter - 21:30 - Neo Química Arena
4 X 0
Corinthians
Argentinos JRS
publicidade
publicidade
publicidade