29/2/2024 05:17

Função de Raniele no Corinthians de António Oliveira: esclarecimento sobre sua atuação.

Raniele: Da zaga ao meio-campo, a versatilidade do volante corintiano em destaque no Corinthians de António Oliveira.

Função de Raniele no Corinthians de António Oliveira: esclarecimento sobre sua atuação.

A função de Raniele no Corinthians do técnico António Oliveira vem sendo tema de debate. Formado como zagueiro, o atleta nascido em Baixa Grande, município da Bahia, se consolidou como volante nos últimos anos. Antes de chegar ao clube mais popular de São Paulo, o jogador acumulou passagens por clubes como Taubaté, Portuguesa, Jacuipense, Botafogo-SP, Bahia, Avaí e Cuiabá. Raniele é o primeiro volante do Corinthians. É o jogador responsável por auxiliar a construção ofensiva, ficando à frente de uma linha de três (Félix Torres, Gustavo Henrique e Hugo/Caetano). Maycon, seu companheiro de meio-campo, tem mais liberdade para pisar no ataque e finalizar jogadas. Com Mano Menezes, vale lembrar, Raniele por vezes ficou encarregado de recuar no momento de saída de bola, atuando entre dois zagueiros. Com António, o lateral esquerdo, seja Hugo ou Caetano, vem sendo responsável por compor a primeira linha de construção. No momento defensivo, porém, Raniele se comporta muitas vezes como zagueiro, preenchendo o espaço central entre Félix e Gustavo Henrique. O 4-3-3 em termos ofensivos se transforma, assim, em um 5-4-1 quando a proposta do time é se defender. Raniele tem boa altura (1,84m), impulsão e imposição física para fazer essa função, que não é nova em sua carreira. O camisa 14 exercia o mesmo papel no Cuiabá, quando também foi dirigido por António Oliveira. Segundo o Sofascore , o volante de 27 anos possui média de 2,1 desarmes, 1,9 rebatidas, 1,8 interceptações e 3,3 bolas recuperadas por jogo no Campeonato Paulista. Mapa de calor do Raniele no Campeonato Paulista (Imagem: Sofascore)

Imagem: Sofascore

Pontos de atenção O movimento de Raniele recuar entre os zagueiros no momento defensivo requer atenção especial para os outros dois meio-campistas, que ficam encarregados de proteger o chamado "funil", que nada mais é do que a entrada da área. O Timão sofreu gols nesse região contra Botafogo-SP e Palmeiras, por exemplo. A comissão técnica está ciente desse ajuste que tem que ser feito, e vem trabalhando isso com os atletas em vídeo e nas atividades de campo no CT Dr. Joaquim Grava. Outro fator de atenção é o jogo com os pés de Raniele. Apesar do atleta ter um passe considerado bom, ele costuma sofrer quando é pressionado, errando algumas tomadas de decisão ou gestos técnicos na hora da distribuição de jogo. Por ser o primeiro homem do meio na fase de construção, muitas vezes o camisa 14 recebe uma marcação especial, geralmente do meia-atacante adversário.

Próximo desafio O Corinthians volta a entrar em campo no próximo sábado, contra o Santo André, pela 11ª rodada do Campeonato Paulista. A tendência é que Raniele seja titular e que as dinâmicas táticas de António sejam mantidas. A bola rola às 16 horas (de Brasília) na Neo Química Arena.



VEJA TAMBÉM
- Timão escalado para o jogo contra o Juventude
- Corinthians e Atlético-MG empatam na estreia do Brasileirão
- Timão escalado para o jogo contra o Atlético-MG









405 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

  • publicidade
  • publicidade
    publicidade

    Brasileiro

    Dom - 16:00 - Neo Química Arena -
    X
    Corinthians
    Atletico-MG

    Sudamericana

    Ter - 19:00 - Neo Química Arena
    4 X 0
    Corinthians
    Nacional Asuncion
    publicidade
    publicidade
    publicidade