12/11/2019 10:00

Corinthians avança nas negociações com a Caixa e 'naming rights’ pode ser incluído; entenda

Bruno Teixeira/Corinthians



A Caixa Econômica Federal e o Corinthians avançaram nas conversas em torno da renegociação da dívida de R$ 536 milhões, cujo desfecho pode sair na semana que vem e incluir os “naming rights” da Arena Corinthians, em São Paulo. A marca no estádio seria parte do reforço das garantias atreladas à dívida, conforme apurou o Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado). O entendimento ocorre cerca de dois meses após o banco executar o clube alvinegro, que atrasou em seis meses o pagamento do empréstimo relativo à arena.



O novo contrato em negociação com a Caixa deve incluir condições mais favoráveis ao Corinthians. O banco, conforme fonte ouvida na condição de anonimato, porém, se cercou de uma estrutura mais sólida de garantias – e o custo da dívida para o clube pode subir. As negociações estariam em fase final, faltando apenas detalhes e aprovações das duas partes. Assim, é esperado um desfecho para breve, possivelmente, já na semana que vem, a depender da conclusão das conversas.

Dentre os pontos acertados entre o banco público e o clube estaria o alongamento da dívida. O vencimento, antes previsto para 2028, deve ser prolongado em mais três anos. Além disso, o valor da multa por causa da execução de uma garantia por empréstimos atrelados à Arena Corinthians também pode ser financiado juntamente com o total da dívida, conforme fontes ouvidas pelo Broadcast.

Do lado das garantias, foi feita uma revisão para reforçar a estrutura existente. Por exemplo, o banco não detinha todo o controle do fluxo de recebíveis da arena, que está atrelado à dívida. Assim, um ajuste foi feito para que a Caixa pudesse ter uma visão mais clara da garantia. O objetivo das negociações, conforme uma fonte do Estado, foi estabelecer condições para que o Corinthians não voltasse a ter problemas com o pagamento da dívida relacionada ao estádio. “O processo de renegociação anda bem e um acordo pode ocorrer nas próximas semanas”, disse uma fonte próxima às conversas, na condição de anonimato.

Alguns temas, porém, ainda estão em discussão, por exemplo, a inclusão dos “naming rights” como parte da garantia do empréstimo, hoje concentrada no fluxo de recebíveis. Recentemente, o Corinthians voltou a negociar os direitos do nome do estádio. Apesar de ter sido inaugurado há cinco anos, em 2014, até agora o clube não conseguiu vender o batismo do estádio. “É uma boa garantia porque é um contrato. O dia que o Corinthians fechar um comprador, terá um valor pelos direitos do nome do estádio”, explicou uma fonte.

O avanço nas negociações entre Caixa e Corinthians ocorrem em paralelo à briga judicial deflagrada com a execução da dívida da Arena no último dia 23 de setembro. Na ocasião, o banco pediu o bloqueio das contas do estádio até que o valor fosse quitado. A Caixa alega ter o direito a R$ 537 milhões. O clube diz que a dívida gira em torno de R$ 470 milhões. No mês passado, o Corinthians entrou com pedido de embargo contra o processo movido pelo banco para suspender a execução judicial, retirada do nome da Arena Itaquera S/A do Serasa e designar uma audiência de conciliação.

Procurada, a Caixa não comentou o acerto. O Corinthians informou que as negociações entre o clube e a Caixa Econômica Federal não estão concluídas. “As tratativas seguem amigavelmente durante o prazo de suspensão da execução judicial de 30 dias definido pela Justiça. Os entendimentos técnicos estão em avaliação pelas partes e uma vez acordados deverão seguir internamente para avaliação e aprovação”, acrescentou o clube.



Mas, em negociações iniciais, o Corinthians não abria mão de pagar prestações mensais de R$ 6 milhões em oito meses do ano e mais R$ 2,5 milhões em quatro meses, quando o time tiver menos jogos em sua agenda.




Corinthians, Arena Corinthians, Caixa, Andrés



LEIA TAMBÉM: Luan, Thiago Neves e Deyverson... Diretor alvinegro abre o jogo sobre especulações

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Para você, por quais motivos Ramiro não vingou como esperado pelo clube e torcida?

LEIA TAMBÉM: Caixa Econômica e Corinthians pedem adiamento do processo por mais 60 dias



106419 visitas - Fonte: Jovem Pan

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Bom dia calma gente vamos torcer pra sair esse NR e termos o estadio melhor aproveitado que da para melhorar as receitas indo dele sim promocoes pra encher todos os jogos fazer nais os torcedor acreditar que samos o patrocinador do clube a muito tempo ja a questao saber tirar aproveito e trazer os torcedores nais ainda com grandes promocoes de encher mais todos os setores

Vamos esperar prá ver vái Corinthians

Vamos torcer para esse NR sair que so vai nos ajudar

Flavio Saraiva     

quando se vê achamada...tu jura agora vai dá certo...me parece que a notícia boa só vê desse Andrés...parece que a caixa nem sabe desse acordo...é não dá pra acreditar em nada vindo do Andrés...!!

Antonio Freitas     

Show de bola

Maxi José     

Esse Andrés so fudeu o Corinthians

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Campeonato Brasileiro

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Premiere
Corinthians
Fluminense

Último jogo - Campeonato Brasileiro

Dom - 16:00 - Arena Corinthians
Corinthians
1 2
Fluminense
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Santos
3 Palmeiras
4 Grêmio
5 Atletico Paranaense
6 São Paulo
7 Internacional
8 Corinthians
9 Fortaleza EC
10 Goiás
11 Bahia
12 Vasco DA Gama
13 Atletico-MG
14 Fluminense
15 Botafogo
16 Ceará
17 Cruzeiro
18 CSA
19 Chapecoense-sc
20 Avai
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
90 38 28 6 4 86 37 49 VVVVD
74 38 22 8 8 60 33 27 VDVDV
74 38 21 11 6 61 32 29 DDDVV
65 38 19 8 11 64 39 25 VDVVD
64 38 18 10 10 51 32 19 VVEVE
63 38 17 12 9 39 30 9 EVDVV
57 38 16 9 13 44 39 5 EDVDV
56 38 14 14 10 42 34 8 DVDVD
53 38 15 8 15 50 49 1 EVVEV
52 38 15 7 16 46 64 -18 VVDDV
49 38 12 13 13 44 43 1 DEVED
49 38 12 13 13 39 45 -6 EDVEE
48 38 13 9 16 45 49 -4 DEVVD
46 38 12 10 16 38 46 -8 VVEEV
43 38 13 4 21 31 45 -14 VVDDE
39 38 10 9 19 36 41 -5 EDEDE
36 38 7 15 16 27 46 -19 DDDDD
32 38 8 8 22 24 58 -34 DVDDD
32 38 7 11 20 31 52 -21 VDDVE
20 38 3 11 24 18 62 -44 DDEDE
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota