18/8/2019 15:09

Análise: Corinthians ganha variações, cresce ofensivamente e pratica futebol mais vistoso

Timão joga bem contra o Botafogo e tem tabela no Brasileirão que permite a Fiel sonhar

Não é só sobre resultados. O Corinthians é um time que dá mais prazer de assistir desde a volta do recesso da Copa América.



Na vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo, o Timão além de ampliar a sequência invicta para nove jogos, apresentou bom futebol e teve a partida sob controle durante praticamente todo o tempo.

Após o mês que teve para descanso e treinamentos, o Corinthians voltou mais vertical e veloz. Boa parte disso tem relação com a entrada de Gabriel na equipe titular no lugar de Ralf. O volante recuperou seu bom futebol e tem sido muito útil não só fechando espaços na marcação como também se apresentando na frente e ajudando na construção das jogadas.

Não à toa o técnico Fábio Carille bancou a permanência de Gabriel no time mesmo com Ralf recuperado de lesão.

O volante só não foi o melhor em campo diante do Botafogo porque Pedrinho estava em tarde inspiradíssima. Correu, driblou, arriscou chutes e ainda participou dos dois gols – no primeiro com passe para Boselli, e no segundo finalizando em jogada que, no rebote, Everaldo marcou.

Ofensivamente, o Timão é outro, como provam os números. Até a Copa América, o time tinha média de 8,75 finalizações por jogo. Depois, ela quase dobrou, sendo de 15,1 por partida. No último sábado foram 18 finalizações e oito chances reais de gol.

Principalmente quando atua em casa, o Corinthians ataca com mais jogadores e parece ter perdido o medo de arriscar chutes de média e longa distância.

Também passou a ter mais variações, com Carille adaptando a escalação de acordo com o adversário. Diante de equipes mais frágeis e fechadas, ele aposta em Mateus Vital. Em outros momentos, como foi no clássico contra o Palmeiras e fora de casa contra o Inter, ele recorre a Sornoza, forte na bola parada.

O rodízio na frente também tem surtido efeitos. Boselli fez gol nos três últimos duelos em que foi titular, ameaçando a posição de Vagner Love.

Resultados e desempenho colocam o Corinthians na briga pelo Brasileirão, e a tabela dá ainda mais esperanças à Fiel. Até o fim do primeiro turno o clube ainda enfrenta o lanterna Avaí, fora de casa, e Atlético-MG e Ceará em Itaquera.



Com a habitual solidez defensiva e o novo e afiado repertório no ataque, o Timão mantém vivo o sonho da tríplice coroa em 2019.

Corinthians, Análise, Brasileirão, Carille, Timão



VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Farelos Jurídicos preparou para você


LEIA TAMBÉM: Carille cita viradas marcantes e diz que Timão precisa usar da "malandragem" no Equador

LEIA TAMBÉM: Confira 5 aprendizados da vitória do Timão sobre o Bahia pelo Brasileiro

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Está na hora de Fábio Carille largar a filosofia da retranca?

1578 visitas - Fonte: Globoesporte.com

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Dione Oliveira     

Aqui e timaooo

Concordo com o fagner o Corinthians ESTÁ começando a se entrosar vai Corinthians ????????????????????????

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias